segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Saiba mais sobre o Treinamento Cardio



Os exercícios cardio são atividades que solicitam a função cardíaca, nomeadamente as funções respiratória e circulatório. O treino cardiovascular é baseado em exercícios que proporcionam diferentes benefícios para o corpo, especialmente no que diz respeito à saúde cardiovascular prevenindo vários fatores de risco deste tipo de doenças. São muitos os tipos de treino cardiovasculares, que ajudam a emagrecer, fortalecer os músculos e evitar a flacidez. 

Os principais tipos de exercícios cardiovasculares são o trote, o esqui, natação, remo, aeróbios, o salto sobre cordas, etc. Devido ao fato de que estas atividades requerem um gasto calórico de 400-600 Kcal por hora, erroneamente acredita-se que o cardio é capaz de queimar gordura e alcançar a perda de peso, o que não é de todo correto

O yin e o yang do mundo do exercício são os aeróbicos e o treinamento de força. "Aeróbicos" se refere à baixa intensidade, os treinamentos prolongados que tem a intenção de usar calorias e queimar gordura.

Cardio antes ou depois de treinar?

Fazer cardio antes de começar a treinar se constitui em uma parte vital do alongamento, já que este é fundamental para que o organismo se prepare a receber cargas físicas e se aumente a circulação e a temperatura corporal. Um alongamento ideal inclui 4-7 minutos de cardio mantendo o pulso entre 130-150 batimentos por minuto.
Fazer cardio depois de treinar é ideal para aquelas pessoas que desejam definir os músculos (secar) e livrar-se da gordura problemática na zona abdominal e lombar. Para eles, a melhor opção é trabalhar com intervalos de alta intensidade (HIIT), os quais fazem que o organismo gasta mais calorias.

As 4 regras do treinamento cardio

1. Fazer cardio de curta duração antes de treinar é importante para aquecer. Mesmo que o seu objetivo na academia seja o crescimento muscular e não emagrecer, comece o treino com alguns minutos de exercícios cardiovasculares; esta atividade aumenta a efetividade da sua rotina e prepara o corpo para receber cargas físicas.
2. Os treinos para aumentar a massa muscular não são compatíveis com os exercícios cardiovasculares para marcar os músculos: o cardio influi negativamente nos processos de hipertrofia, já que o corpo em um dado momento pode, ou aumentar seu volume, ou diminuir para secar os músculos, mas não faz as duas coisas ao mesmo tempo.
3. Para emagrecer, a frequência cardíaca faz um papel mais importante que o tipo de cardio. O número de calorias queimadas durante a execução de exercícios cardiovasculares depende das pulsações cardíacas e da duração do exercício. 40 minutos de remo a um ritmo moderado são mais efetivos que 10 minutos correndo em alta velocidade.
4. A regra principal na hora de queimar gordura através do cardio é esvaziar os depósitos de glicogênio e realizar a atividade quando os níveis de açúcar no sangue são baixos. É por esta razão que os exercícios cardiovasculares pela manhã com o estômago vazio e os intervalos de alta intensidade HIIT são a melhor opção para perder peso.
Conheça o Workshop "Periodização de Treinamento Cardio"que ensina todos os cálculos necessários e fórmulas existentes para se periodizar um treinamento cardiorrespiratório. Clique aqui!

Popular

Contato

Contato

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Newsletter