terça-feira, 25 de julho de 2017

Conceitos em Farmacologia Veterinária


A farmacologia é o estudo da ação das substancias químicas num organismo vivo. Trata-se de conhecer e entender a origem, as propriedades físico-químicas, a absorção e a distribuição destas no organismo, qual será seu mecanismo de ação, bem como a bio transformação causada e a sua forma de eliminação.

A importância desta carreira vem crescendo devido ao aumento da regulação que impacta nas indústrias que produzem medicamentos veterinários, que tende a ter o mesmo grau de exigências para aqueles que produzem os medicamentos para uso humano. Isso abre espaço para atuação do farmacêutico especializado em indústria veterinária.

Vamos conhecer alguns conceitos usados na  Farmacologia Veterinária:

Droga: Pode ser definida com qualquer composto  químico que em quantidades suficientes, podem agir e provocar um efeito farmacológico no organismo. Este efeito pode ser maléfico ou benéfico. É importante saber que as drogas não criam funções diferentes no nosso organismo, elas apenas alteram uma já existente.

Fármaco: Substância química de estrutura definida que interage com o organismo para produzir efeitos benéficos. É um termo utilizado como sinônimo tanto pata droga quanto para medicamento.

Medicamento: Substância ou associação de substâncias usadas para se obter efeitos benéficos no organismo. Essas substancias podem visar curar, diminuir, prevenir ou diagnosticar as enfermidades. Todo medicamento é um fármaco, mas nem todo fármaco é um medicamento.

Remédio: Qualquer ato para melhorar o  organismo,  pode ser um medicamento ou não, ou seja, pode ser um agente químico (medicamento) que cause uma cura, um alivio ou a prevenção da enfermidade, e também um agente físico, como as duchas, massagens, etc.

Mais conceitos importantes:

Posologia: Estudo da dose, método empregado para usar a droga como meio terapêutico.

Dose: é a quantidade de droga suficiente para produzir uma resposta terapêutica, e a dosagem, inclui além da dose, a frequência de administração e a duração do tratamento

Dose Efetiva Mediana (DE): é a dose necessária para produzir determinada intensidade de um efeito em 50% dos indivíduos de uma amostra.

Dose Efetiva Letal (DL): dose capaz de provocar a morte em 50% dos indivíduos de uma certa amostra.

Índice terapêutico: usado para relacionar a dose letal mediana e a dose efetiva mediana. Usamos a seguinte fórmula para calcular: It = DL 50 / DE 50.

Farmacocinética: movimento do fármaco no organismo: absorção, distribuição pela corrente sanguínea, metabolização e excreção.

Farmacodinâmica: parte da  farmacologia  que estuda o mecanismo de ação das drogas.

Iatrogenia: quando ocorre alguma alteração no organismo por um tratamento errado.

Homeopatia: É um sistema medicinal alternativo, segue o princípio de que "semelhante combate semelhante", ou seja, a homeopatia baseia-se de que o mesmo agente que causa a doença, em quantidade minimas também pode curá-la.

Os CDs Universitários tem um CD ONLINE de FARMACOLOGIA VETERINÁRIA voltado para estudantes e profissionais que queiram mais informações e material para estudo nesta área da Medicina Veterinária.

Popular

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Contato

Contato

Newsletter