sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Como escolher uma boa faculdade


Com a queda das mensalidades e o financiamento estudantil, nunca foi tão fácil fazer faculdade. Mas atenção: um em cada seis universitários frequenta curso de baixa qualidade. Isso significa que 680 mil pessoas estão em faculdades que tiveram notas baixas em exames de avaliação, não têm professores com formação adequada e não contam com uma boa infraestrutura. 

Para saber se seu curso é fria, entre no site do Ministério da Educação (MEC) e siga nossas orientações abaixo.

As 4 dúvidas mais frequentes


Se o curso não aparece no sistema, ele não é autorizado? 
Confira qual é o nome oficial do curso. Se, mesmo assim, não encontrá-lo, ele pode estar em análise para receber autorização. 

O curso escolhido não tem indicadores. O que isso quer dizer? 
Que o curso ainda não foi avaliado pelo MEC. Neste caso, conte apenas com o número do IGC (Índice Geral de Cursos). O IGC Contínuo é mais detalhado - quanto mais perto o número estiver de 400, melhor. O IGC Faixa resume a nota em ruim (até 2), adequada (3) e boa (4 ou 5). 

O aluno pode ficar sem diploma se o curso tiver nota baixa? 
Não. Mesmo que o curso precise ser encerrado, os alunos atuais poderão concluir a formação e pegar seu diploma normalmente. 


Destaque da Matéria


Faculdades ou universidades mal avaliadas também têm o direito de participar do Programa Universidade para Todos (Prouni)? 
Sim. Como as instituições de ensino superior têm um prazo para se adequar às exigências do MEC, podem oferecer bolsas enquanto o processo aguarda tramitação no ministério.

Como checar se a faculdade é boa!


1. Em http://emec.mec.gov.br, escolha "consulta textual", escreva o nome da instituição e clique no botão "consultar". 

2. Na parte inferior da página, aparecerá o nome da faculdade e um número de IGC, que vai de 1 a 5. Esse número mostra a média de todos os cursos da instituição: se for 1 ou 2, o curso é ruim. 

3. Ao clicar no nome da instituição, você irá para uma nova página. Vá para "relação de cursos" e escolha um deles na lista. Dois indicadores irão aparecer na tela: o Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes), que mede o quanto os alunos aprenderam, e o CPC (Conceito Parcial do Curso) que também considera a infraestrutura e a formação dos professores. As duas notas vão de 1 (pior) a 5 (melhor). 

Popular

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Contato

Contato

Newsletter